Polícia Civil identifica mãe adolescente que abandonou recém-nascido em Humildes

A Polícia Civil de Feira de Santana já identificou a mãe que abandonou o recém-nascido no final da tarde de ontem (18), no povoado de Pau Seco, no distrito de Humildes, em Feira de Santana. Trata-se de uma adolescente de 16 anos. A criança foi encontrada pelo lavrador Antônio Machado,  que estava cortando capim no quintal de sua casa, quando foi surpreendido pelo choro.

O menino encontra-se no Hospital Estadual da Criança (HEC). O delegado Mauro Moraes, da Delegacia Territorial (DT) de Humildes, disse ao Acorda Cidade que assim que a polícia tomou conhecimento do fato, tratou de encaminhar o recém-nascido para receber os devidos atendimentos no hospital e salvaguardar a sua vida.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Segundo ele, o Serviço de Inteligência da delegacia fez as diligências, conseguiu identificar a adolescente e o caso será encaminhado para a Delegacia do Menor Infrator (DAI). Para Mauro Moraes, o que leva uma mãe a abandonar um filho sem a menor condição de sobrevivência pode ser uma situação de extremo desespero ou uma doença psíquica.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

“Deus colocou aquele homem lá para resgatá-la. E essa adolescente deverá receber um atendimento no aspecto social, psicológico para que ela possa continuar desenvolvendo a sua vida e ter o entendimento do que representa ser mãe. O caso será encaminhado para a DAI. Tem determinadas situações que eu gostaria até de não ser delegado, mas eu entendo e vi isso em uma aula de direito do professor Raul Chaves, quando ele tratava exatamente do abandono material de uma criança. Acredito que o que levou essa menina a fazer isso foi uma situação de desespero. Ela também vai estar amparada nas questões legais e com as respectivas justificativas. Inclusive poderá deixar de sofrer qualquer tipo de sanção. Acredito que ela precisa de um atendimento social, psicológico de muito amor para que ela possa também se recuperar a partir do sofrimento que passou. A grande lição a vida já deu”, comentou.

Comovido com o caso, o delegado informou que a polícia está levantando mais algumas informações para confirmar se a jovem reside na região do Pau Seco.

 

Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui